Obama vai apresentar medidas executivas para o controlo de armas (vídeo)

(EURONEWS)

Barack Obama passa à carga e prometeu apresentar, esta terça-feira, um conjunto de medidas executivas para reforçar o controlo sobre as armas de fogo nos Estados Unidos. A decisão do presidente norte-americano foi tomada face ao que classificou do “fracasso do Congresso” em legislar sobre a matéria, devido à feroz oposição dos rivais republicanos.

Uma das principais medidas deverá abordar a generalização dos controlos de antecedentes judiciais e psicológicos nas vendas de armas.

Obama precisou que “é preciso deixar claro que isto não vai resolver todos os crimes violentos no país, nem vai impedir todos os tiroteios, nem fazer com que todas as armas fiquem fora das mãos de criminosos. Mas vai potencialmente salvar vidas e poupar a famílias a dor e perdas extraordinárias que possam sofrer”.

Mais de 30.000 norte-americanos perdem a vida, em cada ano, em incidentes com armas de fogo. O ano de 2015 fico marcados por vários massacres com grande cobertura mediática que voltaram a trazer para a ordem do dia o debate sobre o tema, o mais recente dos quais no início de dezembro, em São Bernardino, na Califórnia. (EURONEWS)

por Rodrigo Barbosa | com EFE / AFP

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA