«MotoGP está a tornar-se na máfia espanhola»

(Auto Portal)

Phil Read, uma das lendas do motociclismo mundial, acusou a Dorna, entidade que organiza o MotoGP, de se estar a tornar no que diz ser uma “máfia espanhola”, por entender que a penalização a Valentino Rossi devido à polémica em Sepang foi uma injustiça.

A “Direção de Corrida” considerou que o italiano foi culpado pela queda de Marc Márquez. A penalização de três pontos, a somar ao ponto que já vinha de trás, atirou Rossi para o último lugar da grelha em Valência, palco da decisão do campeonato.

“Foi totalmente injusto que Valentino fosse penalizado após o Grande Prémio da Malásia e ter de começar em último em Valência. Na minha opinião a culpa foi de Márquez, ele é que se inclinou sobre o Valentino”, atirou o duas vezes campeão do mundo de 500cc, Phil Read.

“O MotoGP é gerido por um grupo espanhol [a Dorna], e está a tornar-se numa máfia espanhola. Estão a favorecer os pilotos espanhóis, e não a fazê-lo a quem não é espanhol”, lamentou o britânico.

Wayne Gardner, campeão das 500cc em 1987, é da mesma opinião de Read. O primeiro australiano campeão do mundo nas 500 considera que Marquez foi o único culpado pelo incidente.

“A Direção de Corrida tomou uma decisão errada ao penalizar o Rossi e colocá-lo no último lugar da grelha”, afirmou Read no Autosport International Show, no último domingo.

“Toda a situação foi causada por porque o Márquez tentou reter o Rossi para que o Lorenzo pudesse escapar, e depois caiu por culpa dos seus atos”, afirmou. “O Rossi não o empurrou com o joelho, o Márquez caiu porque estava inclinado sobre ele [de Rossi].” (Auto Portal)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA