Messi eleito o melhor jogador do mundo

(Foto: D.R.)

Argentino conquista a quinta Bola de Ouro, à frente de Ronaldo (2.º) e Neymar (3.º)

Messi: 41,33%
Ronaldo: 27,76%
Neymar: 7,86%

“É um momento muito especial para mim voltar a este palco e vencer novamente a Bola de Ouro, após ter estado na plateia a ver Ronaldo ganhar. É a minha quinta Bola, incrível. É mais do que eu tinha sonhado em criança. Agradeço a toda a gente que votou em mim, e aos meus colegas. Agradeço, por fim, ao futebol em geral. Com todas as suas coisas, boas e más, fez-me aprender e crescer”, comentou o vencedor.

18H53: Lionel Messi é o melhor jogador do Mundo! O argentino do Barcelona conquista o troféu pela quinta vez. Ronaldo foi o segundo mais votado e Neymar o terceiro.

 

Palmarés da Bola de Ouro

18H50: Kaká sobe ao palco. Será ele a entregar o prémio mais aguardado da tarde.

Emocionada, a norte-americana tenta conter as lágrimas: “É uma honra, era um sonho meu. Não estaria aqui sem a ajuda das minhas colegas”

18H46: Carli Lloyd é eleita a melhor jogadora do Mundo.

18H43: Neymar, agora em palco, diz esperar alegria no final da gala: “Se ganhar festejamos. Se não ganhar… festejamos também”

O brasileiro não esconde a felicidade: “É uma honra estar aqui e conhecer jogadores famosos que só via na televisão”

18H37: Wendell Lira vence o prémio Puskas. Foi o autor do melhor do golo do ano.

18H32: Tempo agora de assistir à atuação da britânica Leona Lewis.

18H27: A alemã Célia Sasic, uma das nomeadas para melhor jogadora, está agora em palco.

18H23: Ronaldo sobe ao palco e deixa novas palavras à plateia: “Sou um miúdo, um miúdo grande. Quero continuar a ajudar a minha equipa a vencer, marcando golos. Adoro fazer as pessoas felizes”

18H17:
O prémio Fair Play é entregue a todas as organizações que ajudaram e ajudam a combater a crise que afeta os refugiados. O antigo jogador Gerald Asamoah recebe o galardão em nome das instituições.

Robert Fernández, secretário técnico do Barcelona, representa o treinador na gala: “Luis tem muita gente à sua volta que o ajuda. O seu staff, o nosso presidente e direção, os nossos jogadores e os nossos adeptos”

18H09: Luis Enrique ganha o prémio de melhor treinador do Mundo. Resultados oficiais: Luis Enrique 31.08%; Pep Guardiola 22.97%; Jorge Sampaoli 9.47%.

“É fantástico fazer parte de uma grande família futebolística. Isto representa, claro, muito mais gente”, refere a treinadora.

18H06: Jill Ellis é eleita a melhor treinadora de futebol feminino. Resultados oficiais: Jill Ellis 42.98%; Norio Sasaki 17.79%; Mark Sampson 10.68%.

18H02: Depois de Carli Lloyd, é a vez de Messi subir ao palco e deixar algumas palavras: “Aquando da lesão foram meses complicados porque não podia estar com os meus companheiros. Graças a deus correu tudo bem”

Um jovem, que acertou na equipa ideal, pergunta a Ronaldo o que vai fazer quando terminar a carreira. O português sorri: “Não é fácil… Tenho os meus planos estratégicos, com as minhas marcas, mas estou muito confortável”

17H49: Este é o onze ideal de 2015:

Neuer
Thiago Silva
Marcelo
Sergio Ramos
Dani Alves
Iniesta
Modric
Pogba
Neymar
Messi
Ronaldo

17H45: Samuel Eto’o chamado ao palco para entregar os prémios aos jogadores da equipa do ano.

James Nesbitt termina a conversa com CR7 pedindo-lhe… que volte ao Manchester United. O apresentador confessa-se um grande fã dos red devils.

Ronaldo: “Dedico-me a 100 por cento, é isto que gosto de fazer, e ainda sou capaz de jogar mais anos. Estou em forma, como novo”

17H36:

E o fato mais extravagante pertence a… Pogba

Os seis finalistas, masculinos e femininos, são chamados ao palco.

17H35: Kate Abdo e James Nesbitt são os apresentadores e fazem agora as introduções.

17H33: A dupla 2CELLOS reproduz o tema Thunderstruck, dos AC/DC. A Gala da Bola de Ouro 2015 arranca oficialmente!

17H26: São mostrados os melhores momentos dos torneios FIFA de 2015, entre eles a conquista portuguesa no Mundial de futebol de praia.

17H17: Arranca a cerimónia. Discursa neste momento Issa Hayatou, presidente interino da FIFA, após o afastamento de Blatter devido ao escândalo de corrupção que afetou o organismo.

17H12: Os adeptos que votaram no site da FIFA entregavam o prémio de melhor do Mundo a Lionel Messi, com 59% dos votos. Já a norte-americana Carli Lloyd venceria no futebol feminino, com 64%.

Já esta segunda-feira, o internacional português surgiu descontraído na conferência de imprensa que antecedeu a gala, deixando elogios ao pé esquerdo de Lionel Messi.

16H52: É a vez de Cristiano Ronaldo chegar à passadeira vermelha. Sozinho e sorridente, o português acede aos inúmeros pedidos de autógrafos.

16H50: Chega o segundo finalista: o brasileiro Neymar.

16H48: Aí está Lionel Messi, um dos finalistas. Muito solicitado pelos adeptos.

16H46: Dois craques do Barcelona chegam ao Palácio dos Congressos: Dani Alves e Iniesta.

16H37: A menos de uma hora do início da cerimónia, já são muitas as estrelas que desfilam na passadeira vermelha. Modric, jogador do Real Madrid, distribui autógrafos neste momento. Também o capitão dos merengues, Sergio Ramos, já chegou.

——————————————————–

Chegou o dia em que ficará a saber-se quem vai receber a Bola de Ouro 2015, troféu que distingue o melhor jogador do Mundo do ano passado. Messi, Ronaldo e Neymar são os três finalistas, sendo que o português ostenta o galardão atualmente.

A cerimónia vai decorrer em Zurique, na Suíça, e nela estarão centrados os olhares do mundo do desporto. Além do prémio mais aguardado, serão entregues outros como a melhor jogadora do Mundo, o melhor treinador (em masculinos e femininos), o prémio Puskas (atribuído ao melhor golo do ano) e a equipa ideal da FIFA/FIFPro.

Acompanhe ao minuto todos os pormenores: os premiados, as reações e as imagens marcantes da cerimónia, que tem início agendado para as 17H30.

Recorde todos os nomeados:

BOLA DE OURO
Cristiano Ronaldo (Portugal) Real Madrid
Lionel Messi (Argentina) Barcelona
Neymar (Brasil) Barcelona

MELHOR JOGADORA
Carli Lloyd (EUA) Houston Dash
Aya Miyama (Japão) Okayama YB
Célia Sasic (Alemanha) FFC Frankfurt

MELHOR TREINADOR (MASCULINOS)
Pep Guardiola (Espanha) Bayern Munique
Luis Enrique (Espanha) Barcelona
Jorge Sampaoli (Argentina) Chile

MELHOR TREINADOR (FEMININOS)
Jill Ellis (EUA) Estados Unidos
Mark Sampson (Gales) Inglaterra
Norio Sasaki (Japão) Japão

PRÉMIO PUSKAS
Lionel Messi (Argentina)
At. Bilbao-Barcelona, 30/5/2015
Alessandro Florenzi (Itália)
Roma-Barcelona, 16/9/2015
Wendell Lira (Brasil)
At. Goianense-Goianéica, 11/3/2015 (Record)

Por:  Luís Miroto Simões

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA