JPMorgan Chase paga US$ 1,42 bilião para concluir litígios ligados ao Lehman Brothers

(AFP)

O banco americano JPMorgan Chase aceitou pagar 1,42 bilião de dólares para resolver os casos ligados à falência do Lehman Brothers em 2008, segundo os documentos judiciais consultados nesta terça-feira.

O maior banco americano, cujas filiais eram clientes do Lehman Brothers, foi acusado de ter excedido suas atribuições ao fazer saques rápidos antes da famosa falência da instituição nova-iorquina que desestabilizou o sistema financeiro mundial.

Fundos de investimento ligados ao JPMorgan concederam empréstimos ao Lehman Brothers através de complexos produtos financeiros e exigiram recuperá-los de forma antecipada, enquanto se agravava a situação do banco de investimentos. Ao fazer isso, se anteciparam a outros emprestadores, o que contribuiu para a aceleração da falência. (AFP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA