Ler Agora:
Jornalistas cabo-verdianos pedem maior liberdade de imprensa
Artigo completo 2 minutos de leitura

Jornalistas cabo-verdianos pedem maior liberdade de imprensa

Os jornalistas cabo-verdianos pediram ao Presidente da República que solicite ao Tribunal Constitucional a fiscalização de uma norma do Código Eleitoral que limita a liberdade de imprensa no país.

A Associação Sindical dos Jornalistas de Cabo Verde considera que a aplicação do artigo 105 do Código Eleitoral está a limitar a liberdade de imprensa no país.

Com base nos artigos 40 e 60 da Constituição da República, a presidente da AJOC, Carla Lima, disse que a classe jornalística tem dúvidas sobre a constitucionalidade da norma, por isso, a AJOC foi pedir ao Presidente que solicite ao Tribunal Constitucional a fiscalização do controverso artigo 105 do Código Eleitoral.

Segundo a presidente da AJOC, há pouco mais de um ano, os agentes políticos comprometeram-se em rever o código eleitoral, mas depois retirara na da agenda parlamentar.

Por causa do artigo 105 do Código Eleitoral rádio e a televisão públicas suspenderam todos os programas de debate político e de entrevista.

Os dois maiores partidos políticos nacionais – PAICV e MPD não vêm quaisquer limitações no Código Eleitoral à Liberdade de Imprensa, com o MPD a afirmar que houve uma interpretação excessiva e nalguns casos conveniente do artigo 105 do Código Eleitoral por parte de certos órgãos de Comunicação Social. (RFI)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com são obrigatórios *

Input your search keywords and press Enter.
Translate »