Irão denuncia sanções americanas contra programa de mísseis balísticos

Hossein Jaber Ansari (DR)

As novas sanções dos Estados Unidos contra o programa balístico do Irão são “ilegítimas”, denunciou nesta segunda-feira o porta-voz do ministério das Relações Exteriores, Hossein Jaber Ansari.

As novas sanções anunciadas pelos Estados Unidos “são ilegítimas porque o programa balístico do Irão não contempla a capacidade de transportar armas nucleares”, declarou Ansari, citado pela agência iraniana ISNA.

No domingo, o governo dos Estados Unidos anunciou novas sanções vinculadas ao programa de mísseis balísticos do Irão.

O anúncio aconteceu um dia depois da suspensão das sanções contra o Irão por seu programa nuclear, como previsto no acordo assinado pelo governo iraniano e as grandes potências.

Cinco cidadãos iranianos e uma rede de empresas com sedes nos Emirados Árabes Unidos e China foram adicionadas à lista negra financeira dos Estados Unidos, anunciou a secretaria do Tesouro.

A República Islâmica “responderá a estes actos de propaganda acelerando seu programa balístico legal e aumentando suas capacidades de defesa”, disse Jaber Ansari. (AFP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA