Homem que atacou delegacia de Paris não tem vínculos com rede islamita

(AFP)

O homem abatido a tiros pela polícia francesa no início de Janeiro quando tentava atacar uma delegacia parisiense não tem vínculos com uma rede islamita, indicou a polícia da região alemã onde ele viveu.

“Nas últimas duas semanas não encontramos no entorno do criminoso nenhum indício que comprove a existência de uma rede islamita (…) Excluímos que tenha existido uma rede islamita”, declarou à imprensa o chefe da polícia da Renânia do Norte-Westfália. (AFP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA