Governo francês dissolve associações suspeitas de radicalismo

(AFP)

Três associações culturais vinculadas a uma mesquita apresentada como salafista na região parisiense foram dissolvidas nesta quarta-feira pelo governo francês, anunciou o ministro do Interior, Bernard Cazeneuve.

“Não há lugar na República para estruturas que provocam e incitam ao ódio”, afirmou.

Esta é a primeira dissolução de associações ligadas a mesquitas decidida em França depois dos atentados jihadistas de 13 de novembro.

A mesquita em questão, situada na localidade de Lagny-sur-Marne, na região parisiense, foi alvo de uma operação de revista no início de Dezembro está fechada desde então. (AFP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA