Cunene: Governador apela maior reflexão sobre valorização da cultura

Cunene:Antonio Didalewa- Governador do Cunene Foto: José Cachiva)

O governador da província do Cunene, António Didalelwa, apelou sexta-feira, em Ondjiva, para maior reflexão sobre a valorização da cultura nacional sob risco de se perder a verdadeira identidade cultural dos vários grupos etnolinguísticos do país.

O governante que falava no acto provincial do Dia Nacional da Cultura, assinalado sexta-feira última, disse que um povo que não preserva e nem cuida a sua cultura perde sua identidade, pois é na língua e nos hábitos e costumeis que se identifica um grupo étnico do outro.

Neste 8 de Dezembro e como em outros dias deve-se ter em conta a necessidade cada vez maior da afirmação da identidade cultural do povo e só valorizando as tradições, língua nacional pode-se alcançar este desiderato, precisou o governante.

António Didalelwa disse que cultura é o modo de vida na cidade ou no campo, daí que no dia-a-dia de cada angolano deve-se evidenciar a valorização da sua língua local, hábitos e costumes do seu grupo etnolinguístico.

O governador do Cunene reiterou o apoio contínuo a todas as manifestações focadas na preservação e valorização da cultura angolana.

As celebrações alusivas ao “Dia da Cultura Nacional” que se comemora a 8 de Janeiro de cada ano, representam mais um exercício que nos leva a reflectir sobre os aspectos mais profundos da nossa identidade. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA