Cuanza Sul: Citadinos reconhecem vantagens na cooperação Angola/China

(Foto: Inacio Sabino)

Citadinos no Sumbe, província do Cuanza Sul, reconheceram hoje, segunda-feira, as vantagens da cooperação Angola – China, na reconstrução e desenvolvimento socioeconómico do país.

Em declarações à Angop, a propósito da visita do embaixador Chinês, Cui Aimin, a província angolana do Cuanza Sul, os entrevistados foram unânimes em dizer que o país tem estado ganhar com esta cooperação.

Alfredo Vaz, estudante, disse que a China foi um dos primeiros países a “abraçar” Angola, depois do conflito armado, com vários projectos de grande envergadura, que continuam a dar outra imagem ao país e a referida província em particular. “Temos novas estradas, hospitais, postos de saúde, foram igualmente construídas pontes, cidades e implementados serviços que estão melhorar a vida dos angolanos”, frisou.

Angélica Fortuna, professora, adiantou que o surgimento de novos serviços na cidade do Sumbe devem-se a referida cooperação, realçando o aparecimento de novas oficinas e stands para vendas de viaturas.

“Devemos preservar esta cooperação com a república da China e fazer mais acordos em vários projectos, por formas a contribuir no desenvolvimento da província”, salientou. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA