UNESCO convida membros a candidatarem-se ao prémio de liberdade de imprensa

Unesco (edu.int)
Unesco (edu.int)
Unesco (edu.int)

A Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO) convidou, recentemente, os Estados Membros e as organizações internacionais e regionais, profissionais e não-governamentais, que trabalham no domínio do jornalismo e da liberdade de expressão, a propor candidatos para o prémio mundial da liberdade de imprensa, denominado “UNESCO/ Guillermo CANO 2015”.

Segundo uma nota de imprensa da UNESCO, que a Angop teve acesso segunda-feira, o prémio, criado em 1997 pelo conselho executivo desta organização, destina-se a distinguir uma pessoa, organização ou instituição, que contribuiu de maneira notável para a defesa e/ou a promoção da liberdade de imprensa, onde quer que seja no mundo, sobretudo se para o efeito correu riscos.

Num montante de 25 mil dólares, o prémio é atribuído todos os anos durante uma cerimónia oficial por ocasião da Conferência sobre o Dia mundial da liberdade de imprensa, a 3 de Maio, referiu o documento.

O Dia mundial da liberdade de imprensa 2016 terá lugar em Helsínquia, Finlândia, de 3 a 4 de Maio de 2016.

O Prémio é financiado pelas Fundações Cano da Colômbia e Helsingin Sanomat da Finlândia.

Para propor candidatos deve-se enviar o formulário preenchido em inglês ou francês, antes do dia 15 de Fevereiro de 2016, por correio normal ou electrónico. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA