Moxico: SME expulsa cidadãos estrangeiros por entrada ilegal

MOXICO: IMIGRANTES ILEGAIS EXPULSOS DO PAÍS (Foto: Angop)

Vinte e um cidadãos estrangeiros foram expulsos da província do Moxico, durante o mês de Novembro, por entrada e permanência ilegal.

Segundo uma nota de imprensa distribuída hoje, quarta-feira, no Luena, por decisão dos Serviços de Migração e Estrangeiros (SME) e do Ministério Público, foram expulsos 17 congoleses democráticos, dois do Congo Brazzaville, um da Guiné-Bissau e igual número de zambianos.

De acordo com o documento, em comparação ao período anterior, houve um aumento de nove casos de violação de fronteiras.

No âmbito do controlo migratório, o órgão afecto ao Ministério do Interior (MININT) registou 594 entradas e 589 saídas de cidadãos nacionais e estrangeiros de várias nacionalidades, titulares de jecton, bord passes e passaportes com vistos ordinários e passes de travessia.

A província do Moxico partilha mil 77 quilómetros de fronteira com as vizinhas repúblicas da Zâmbia e do Congo Democrático. (ANGOP)

DEIXE UMA RESPOSTA