Moxico: Região Militar Leste prevê criar fazendas agropecuárias

Moxico: Tenente General João Serafim Kiteculo - Comandante da Região Militar Leste (Foto: David Dias)

O comandante da Região Militar Leste (RML), João Serafim Kitekulo, disse quinta-feira, no Luena, que o próximo ano pretende-se criar fazendas agropecuária para melhorar e garantir a qualidade da dieta alimentar dos efectivos das FAA.

Ao proceder o balanço das actividades realizadas em 2015, precisou que as fazendas serão criadas nas unidades e subunidades militares, apostando na agricultura.

Outro desafio que a Região Militar Leste pretende combater no próximo ano é o consumo excessivo de bebidas alcoólicas, uso de drogas, analfabetismo e as grandes endemias, como o HIV-SIDA e outras doenças sexualmente transmissíveis, entre os militares.

Quanto a 2015, ressaltou que ficou marcado com realizações de actividades, sobretudo no cumprimento dos programas e planos de preparação operativa, combativa e educativo-patriótica, para além da participação activa dos militares nas acções de desminagem, construção e reconstrução dos quartéis.

Por outro lado, reconheceu as dificuldades enfrentadas durante o ano, no que tange a capacidade financeira para superar as necessidades que afligem a Região Militar.

Reconheceu igualmente o apoio e atenção permanente do comando superior, que possibilitou a reabilitação de várias infra-estruturas do comando da Região Militar Leste. (ANGOP)

DEIXE UMA RESPOSTA