“Marcelo tem o apoio do PSD, do CDS e o silêncio de António Costa”

(DR)

Pedro Santana Lopes comentou esta terça-feira, na Edição da Noite da SIC Notícias, a candidatura de Marcelo Rebelo de Sousa, na sequência da entrevista concedida no dia anterior à mesma estação.

Quando desafiado pelo jornalista a comentar as declarações de Marcelo Rebelo de Sousa, bastante conciliadoras com o atual Governo, feitas na entrevista dada na noite anterior pelo candidato presidencial, Pedro Santana Lopes justificou que a campanha presidencial está agora a iniciar-se.

“Os outros candidatos vão aparecer mais, o Governo já está constituído, vai-se ter mais tempo para as presidenciais”, sustentou o provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.

No entanto, Santana fez questão de destacar um outro aspeto desta corrida presidencial.

“É curioso como Marcelo Rebelo de Sousa tem o apoio do PSD e do CDS e depois à Esquerda António Costa acabou por levar à prática a tese que muitos outros defendiam que era não apoiar ninguém na primeira volta e não apoiaram nem Sampaio da Nóvoa, nem Maria de Belém na primeira volta”, indicou.

Santana Lopes sublinha, assim, que “os candidatos da esquerda estão sem apoio nenhum e Marcelo tem o apoio do PSD, do CDS e o silêncio de António Costa, e vai dizendo que tudo fará para o Governo de António Costa ter sucesso”.

“Isto é curioso porque dá a Marcelo quase uma cobertura ou uma neutralidade de dois terços, praticamente, do eleitorado”, terminou. (Noticias ao Minuto)

por Anabela de Sousa Dantas

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA