JMPLA em Luanda condena atitude dos “Revus”

JMPLA (MPLA)
JMPLA (MPLA)
JMPLA (MPLA)

O primeiro secretário provincial de Luanda da JMPLA, Tomás Bica Mumbundo, condenou hoje, segunda-feira, nesta cidade, a atitude dos 17 arguidos, conhecidos como “Revus”, acusados de elaborarem actos preparatórios de rebelião contra os órgãos de soberania do país.

Ao intervir na III reunião ordinária da organização juvenil do MPLA, na urbe Luandense, o político condenou igualmente todos aqueles que olham a juventude angolana como alvo predilecto das tentativas de aliciamento, para semear conflitos, através do fomento de acções desestabilizadoras e manobras de divisão do povo, tendo sublinhado que não este tipo de jovens que o país precisa.

“Amar a pátria, amar os seus compatriotas, deixar de pensar no eu, para pensar em nós e tornar Angola na pátria sonhada pelos nossos mais velhos, deve ser a divisa de cada jovem angolano “, frisou.

Realçou que a JMPLA, em Luanda, tem a responsabilidade de assumir a liderança na educação patriótica dos jovens, para preservar as conquistas alcançadas, com destaque para a paz, tendo em conta a capacidade de mobilização da organização.

Na ocasião, salientou que todos os angolanos são responsáveis pelo desenvolvimento do país, sendo necessário que cada um pense e faça alguma coisa, tendo referido que não basta criticar, mas sim apresentar soluções.

No encontro os membros do secretariado provincial da JMPLA em Luanda apreciaram, discutiram e aprovaram vários documentos da vida interna da colectividade. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA