Huíla: Jacaré ataca mortalmente menor no sector do Quiteve

Jacaré (DR)

Uma menor de 12 anos idade, com identidade não revelada, foi mortalmente atacada por um jacaré, quando carretava água na margem do rio Cunene, no sector do Quiteve, comuna do Mulondo, Matala, soube hoje (segunda-feira) a Angop de fonte oficial.

O soba grande da comuna do Mulondo, Mufingua Mupinga, que prestou a informação, lamentou o incidente e explicou que a vítima foi atacada quando tirava água no rio Cunene e foi surpreendida pelo animal que lançou de imediato a criança para dentro da água, sem hipótese de reagir.

A autoridade informou que casos do género são frequentes na região, pois a falta de furos de água obriga os cidadãos a recorrerem ao rio Cunene para conseguir o precioso líquido, expondo-se ao risco de serem atacadas por jacarés e outros animais ferozes que também usam a mesma fonte para abeberamento.

Lembrou, no entanto, que já solicitaram a administração comunal e municipal, no sentido de instalarem sistemas de fornecimento de água para se evitarem casos como o de sábado, em que foi vítima esta criança.

A localidade de Quiteve dista a 145 quilómetros da sede municipal da Matala, província da Huíla. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA