Huambo: Desempenho da actividade judiciária satisfaz Procurador-Geral Adjunto da República

Procurador Geral adjunto da República, Adão Adriano António (Foto: Edilson Domingos)

O desempenho da actividade judiciária na província do Huambo, concretamente nos municípios do corredor oeste (Caála, Longonjo, Ucuma e Chinjenje) foi considerado terça-feira, nesta região, satisfatório, a julgar pelo baixo índice de criminalidade.

A constatação é do Procurador-Geral Adjunto da República, Adão Adriano António, em declarações à Angop, em jeito de balanço do périplo que efectuou segunda-feira àqueles municípios, onde inteirou-se da situação judicial.

Afirmou que os quadros dos órgãos que administram a justiça naquelas localidades têm se empenhado bastante, nas acções de prevenção de actos criminais.

“Tem havido um bom trabalho por parte dos efectivos da Policia Nacional, os quadros dos tribunais e do ministério público nos quatro municípios visitados. Também têm sido auxiliados pelas administrações municipais e autoridades tradicionais”, mencionou.

No seguimento da sua visita de trabalho, o procurador Geral Adjunto da República, Adão Adriano António, deslocou-se terça-feira, aos municípios do Cachiungo, Chicala-Cholohanga e Bailundo. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA