Governador quer empenho das famílias camponesas no ano agrícola 2015/2016

Marcelino Tyipinge - governador da Huíla (Foto: José Krithinas)

Governador quer empenho das famílias camponesas no ano agrícola 2015/2016

O governador da Huíla, João Marcelino Tyipenge, exortou sexta-feira, no município de Quipungo, às 250 mil e 311 famílias desta província mobilizadas para o ano agrícola 2015/2016, a um maior engajamento na produção alimentar para que se possa atingir os resultados preconizados.

 Produção agrícola no interior do País (Foto: Joaquina Bento)

Produção agrícola no interior do País (Foto: Joaquina Bento)

A recomendação foi feita na abertura da campanha agrícola referente ao período 2015/2016, para o que foram preparados 605 mil hectares de terra arável e com uma previsão de colheitas de mais de 500 mil toneladas de produtos agrícolas diversos, nos 14 municípios que compõe a Huíla.

João Marcelino Tyipinge orientou que os camponeses se apliquem ao máximo com vista a rentabilizar o investimento feito na preparação da campanha para que, no final, as colheitas satisfaçam as necessidades alimentares da população e haja excedentes para comercializar.

Afirmou que o Executivo, está a apostar no sector da agricultura por considerar um segmento fundamental no processo de diversificação da economia nacional, contribuindo assim para o combate da fome e a pobreza.

“A produção alimentar vai ajudar a diversificar a economia do país e aliviar a dependência da economia ao petróleo, cujo preço tem vindo a baixar significativamente no mercado internacional, gerando consequências para a nossa economia”, disse.

Na ocasião, destacou a posição dos bancos Sol, BPC e BCI que também testemunharam a abertura da campanha agrícola, pois estão a apoiar o governo com créditos para o sector, transformados em inputs para que os camponeses possam trabalhar e, posteriormente, serem reembolsados.

Participaram na abertura da referida campanha, autoridades governamentais, tradicionais, associações de camponeses e convidados.

O município de Quipungo tem uma população estimada em 146 mil e 914 habitantes, que vivem da produção agro-pecuária, e dista a 117 quilómetros a leste da cidade do Lubango, capital da província da Huíla. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA