EUA investiga suposto tiro de míssil do Irão

(AFP)

Os Estados Unidos “analisam seriamente” informações sobre um suposto lançamento de míssil balístico por parte do Irão, o que implicaria violação das resoluções da ONU, informou nesta terça-feira uma funcionária norte americana.

Ao comentar as informações sobre um novo lançamento de míssil balístico por parte do Irão, em Novembro passado, a embaixadora americana na ONU, Samantha Power, respondeu: “os Estados Unidos analisam seriamente isto para ver se pode confirmá-lo”.

Power recordou um lançamento anterior efectuado pelo Irão em Outubro, que foi confirmado pelos Estados Unidos e considerado uma violação das resoluções da ONU.

As resoluções proíbem Teerão de qualquer actividade balística com mísseis que podem receber ogivas nucleares.

Após o lançamento de outubro, Estados Unidos e seus aliados recorreram ao Conselho de Segurança da ONU, enquanto a Rússia colocou em dúvida tal acusação.

O Irão afirma que seus mísseis não foram concebidos para carregar ogivas nucleares e que, deste modo, não violam as resoluções da ONU.

Se ocorrer um novo lançamento, os Estados Unidos recorrerão novamente ao Conselho de Segurança para pedir uma “acção apropriada”, afirmou Power. “É de suma importância que as resoluções da ONU sejam respeitadas”. (AFP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA