Cabinda: Educação com mais de mil salas de aulas em 2015

Sala de aula (DR)

O sector da educação contou com mil e 625 salas de aulas em diferentes níveis de ensino, fruto do esforço do governo destinado a acudir a demanda, afirmou a secretária provincial da educação, Helena Berta Marciano.

Berta Marciano realçou que 32 salas foram construídas nos municípios sede (Cabinda), Buco-Zau e Belize.

O sector conta com 243 escolas primárias, 27 do ensino secundário do I ciclo e 11 escolas do II ciclo.

Para o processo docente educativo, prosseguiu, a população estudantil atingiu 180 mil e 076 alunos distribuídos em 114.224 no ensino primário, 41.012 no ensino secundário do I ciclo e 24. 840 no ensino secundário II ciclo.

Na área do ensino especial, a secretaria provincial da educação contou com 1.392 alunos portadores de necessidades educativas especiais, sendo 258 no ensino primário, 49 no ensino secundário do I ciclo, que estudam em salas especiais, 767 nas salas inclusivas no ensino primário e no ensino secundário do I ciclo estão matriculados 207.

Na alfabetização o sector trabalhou com o programa de Alfabetização e Aceleração Escolar (PAAE), utilizando os métodos Gostar de Ler e Escrever e Sim Eu Posso, com 18.097 alfabetizados e 466 alfabetizadores.

Ainda durante o ano de 2015 foram distribuídos kits escolares até a 6ª classe, para além de 18.894 batas escolares, 100 kits de primeiros socorros, 66.186 merendas escolares que beneficiaram 11.031 alunos das escolas primárias da zona rural.

A responsável indicou que a instituição tem nos seus registos 4 mil e 790 professores e 385 que trabalhadores administrativos. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA