Administração da Samba pede fiscalização mais actuante

Edifício da Administração da Samba (Foto: Angop)

O administrador adjunto para área social e da comunidade do Distrito urbano da Samba, em Luanda, Emílio Pedro, apelou ao membros do serviço de fiscalização a serem mais actuantes com vista a fazer uma avaliação real no domínio das penalizações.

O responsável que falava durante um encontro com os membros da administração, pediu ao agentes do serviço de fiscalização que sejam imparciais na aplicação das multas, tratando todo o cidadão do mesmo modo perante a lei.

Descreveu 2015 como um período de gestão institucional de grandes dificuldades, devido a situação financeira que comprometeu significativamente a realizações de acções de impacto social a nível do distrito.

Disse que nesta senda das dificuldades, foi notório o esforço conjunto dos servidores públicos no que toca a organização e recolha dos resíduos sólidos.

De igual modo fez referência as inundações registadas em consequência das últimas chuvas no distrito, considerando-as como situação preocupante e que constarão do quadro de prioridades da circunscrição no próximo ano 2016.

Apelou igualmente as autoridades religiosas e tradicionais a cuidarem dos munícipes transmitindo-lhes as regras da vida para que se resgate os valores morais e cívicos que constituem o apanágio cultural secular e que tendem a desaparecer. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA