8 mitos comuns sobre a masturbação

(Foto cedida por Getty Images)

Todo mundo se masturba. Ou quase todo mundo; de acordo com uma pesquisa nacional feita em 2009 nos Estados Unidos, cerca de 90% dos homens já havia se masturbado até os 30 anos de idade. Embora isso seja muito comum, ainda existem alguns mitos que pairam sobre o assunto. Com a ajuda de alguns profissionais de saúde, vamos desmascará-los aqui e agora.

Masturbação faz mal para o órgão sexual

Embora seja vigorosa e um pouco violenta, a masturbação não causa nenhum dano real. Desde que a pessoa não tenha feito qualquer operação recente na região genital, como uma circuncisão, o Dr. Ira D. Sharlip, professor clínico de Urologia na UCSF, diz que é até possível (em teoria) fracturar o pénis durante a masturbação, mas que uma lesão deste tipo é muito rara.

Masturbação não afecta sua fertilidade

(Foto cedida por Getty Images)
(Foto cedida por Getty Images)

Homens não se tornam inférteis como resultado da masturbação, mas este ato pode reduzir temporariamente a fertilidade. “Normalmente, leva cerca de 12 a 24 horas para a contagem de esperma se normalizar após uma ejaculação anterior”, diz Sharlip. “Então, se um paciente se masturbar com muita frequência (várias vezes durante o dia), isso suprimirá temporariamente a fertilidade”. Este efeito é temporário e não implica em qualquer consequência definitiva. (YAHOO)

Auto-estimulação é altamente viciante

(Foto cedida por Getty Images)
(Foto cedida por Getty Images)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA