País presente no 65º Comitê Regional da OMS para África

José Van-Dunem, ministro da Saúde de Angola (Foto: António Escrivão)
José Van-Dunem, ministro da Saúde de Angola (Foto: António Escrivão)
José Van-Dunem, ministro da Saúde de Angola (Foto: António Escrivão)

Uma delegação de técnicos superiores do Ministério da Saúde, chefiada pelo seu titular, José Van-Dúnem, participa de 23 a 27 deste mês na 65º Comité Regional da Organização Mundial da Saúde (OMS) para África, que terá lugar em N’Djamena, no Chade.

Fonte da delegação disse hoje, domingo, à Angop, que a comitiva parte esta manhã de Luanda com destino à N’Djamena onde serão esperados representantes de 46 países membros da OMS regional.

Acrescentou que a sessão de abertura do encontro, a ter lugar no Palai du 15 Janvier, deverá ser orientada pelo presidente do Chade, Idriss Deby Itno, ou seu representante, na presença da directora-geral da OMS, Margareth Chan, e da directora regional para África, Matshidiso Moet.

Matshidiso Moeti foi eleita a 4 de Novembro de 2015 para o cargo de Directora Regional da OMS durante o Comité Regional Africano da OMS.

O Conselho Executivo da OMS aprovou a sua nomeação durante a 134.ª sessão, realizada de 20 a 25 de Janeiro de 2015 na Sede da Organização em Genebra (Suíça) e a 1 de Fevereiro, Moeti sucedeu ao angolano Luís Gomes Sambo, que ocupou o cargo de Director Regional da OMS nos últimos dez anos.

Entretanto, o 65º Comité regional vai analisar as actividades da OMS na região africana; execução do orçamento/ programa 2014/2015 e os progressos para consecução dos Objectivos de Desenvolvimento do Milénio.

Vai ainda analisar a estratégia mundial sobre a prestação integrada de serviços centrados nas pessoas: contributo da região, o relatório dos progresso na criação do Centro Africano de Controlo de Doenças e o Fundo Africano para as Emergências de Saúde Pública.

O surto epidémico de doenças por vírus Ébola de 2014: lições retiradas e perspectivas, a poliomielite na região africana, o relatório dos progressos sobre a criação da Agência Africana dos Medicamentos e a estratégia de África contra o paludismo são assuntos a serem abordados.

A 65ª sessão do Comité Regional da OMS é a primeira reunião dos ministros africanos da saúde organizado em N’Djamena, com o apoio técnico e financeiro do Escritório regional para África. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA