Oito milhões cidadãos serão registados até 2016 no Uíge

Cidadãos serão registados na província do Uíge (Foto: Angop)
Cidadãos serão registados na província do Uíge (Foto: Angop)
Cidadãos serão registados na província do Uíge (Foto: Angop)

Oito milhões cidadãos serão registados até 2016 na província do Uige, no âmbito do programa em curso denominado “nascer com o registo”.

O Delegado provincial da Justiça e dos Direitos Humanos do Uíge, Miguel Cutoca, que anunciou o facto quarta feira, na vila do Songo, afirmou que os serviços da justiça na província têm a responsabilidade de registar esse numero de cidadãos até 2016.

O responsável apelou aos servidores públicos a sensibilizar a população no sentido de afluir ao registo civil.

Depois de deplorar a avaria registada no servidor da emissão do Bilhete de Identidade no município do Songo, Miguel Cutoco solicitou a direcção nacional de identificação civil e criminal um técnico para a reparação do referido servidor.

“Os nossos colegas localmente já estão a inserir os processos e até aprovação do número de Bilhete de Identidade, mas estando neste momento o servidor com problemas, pedimos a direcção nacional de identificação civil e criminal, para que envie com maior brevidade possível um técnico no Songo para resolver o problema do servidor, para que os equipamentos de identificação possam fornecer B.I a população”, solicitou.

Miguel Cutoca anunciou igualmente que os Bilhetes de Identidade já estão a ser emitidos em oito dos 16 municípios que compõem a província do Uíge, nomeadamente Uíge, Dange-Quitexe, Cangola, Bembe, Sanza Pombo, Maquela do Zombo, Quimbele e Songo.

O município do Songo que dista a 40 quilómetros a norte da cidade do Uíge, possui uma região territorial de 2.800 quilómetros de extensão, distribuídos por 81 aldeias, 13 regedorias. Conta com uma população de 63.362 habitantes. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA