MPLA no Cuanhama quer maior representação das mulheres

Gonçalves Namweya- primeiro Secretário Municipal do Cuanhama (Foto: José Cachiva)
Gonçalves Namweya- primeiro Secretário Municipal do Cuanhama (Foto: José Cachiva)
Gonçalves Namweya- primeiro Secretário Municipal do Cuanhama (Foto: José Cachiva)

O primeiro secretário municipal do MPLA no município do Cuanhama, província do Cunene, Gonçalves Namweya, disse hoje, segunda-feira, em Ondjiva, ser pretensão do partido atingir os 40 por centos nos órgãos de direcção e chefia a ser preenchidos por mulheres para maior representação deste segmento da sociedade.

Ao falar à Angop a propósito da segunda reunião ordinária do comité municipal, realizada no fim-de-semana, Gonçalves Namweya frisou que no encontro aflorou-se esta questão e tudo indica que nas próximas acções de constituição dos órgãos de direcção e chefia do partido terá em conta a questão do género.

Sublinhou que actualmente o quadro não está mal, mas é necessário que se atinja os 40 por cento a cota estabelecida pela directiva interna do partido, sendo que a mulher está sempre presente em todas as conquistas do país, desde a luta pela independência até os dias de hoje.

O responsável lembrou que esta pretensão do partido associa-se a uma máxima “MPLA revitalizar as estruturas para fortalecer o partido”, daí que a participação activa da mulher nos órgãos de direcção e chefia é necessária. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA