Miss CPLP Angola propõe-se a distribuir medicamentos e apadrinhar crianças

Miss CPLP Angola/2015 (Foto: Angop/Arquivo)
 Miss CPLP Angola/2015 (Foto: Angop/Arquivo)

Miss CPLP Angola/2015 (Foto: Angop/Arquivo)

A Miss Angola da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Marlene Sipilali, disse, hoje, segunda-feira, em Luanda, que ao longo do seu mandato vai priorizar a distribuição de medicamentos, mosquiteiros e o apadrinhamento de crianças dentro e fora do sistema de ensino.

Em declarações à Angop, sobre os projectos do “Comité Miss CPLP Angola”, a também embaixadora da boa vontade sublinhou que tem estado a distribuir mosquiteiros, preservativos e a realizar palestras em escolas, unidades policiais e militares sobre vários temas de interesse social.

“Estou a trabalhar para o fortalecimento e intercâmbio cultural entre os jovens dos países da CPLP, promover o turismo de Angola e a preservação do meio ambiente no seio da comunidade de língua portuguesa”, disse.

Referiu que o foco do Comité Miss CPLP consiste no apoio as políticas do Executivo ligadas a promoção da imagem de Angola, bem como apoiar as acções que visam o combate a fome e a redução da pobreza no seio das comunidades.

O Miss Comunidade de Países da Língua Portuguesa é uma iniciativa do projecto Miss CPLP, cujo carácter está baseado no intercâmbio cultural, promovendo valores e a inclusão social na lusofonia. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA