Justiça em Angola depende do sistema político

(Lusa)
(Lusa)
(Lusa)

Angola assinalou esta quarta-feira os 40 anos da sua Independência, celebrada a 11 de Novembro de 1975.

Em vésperas do inicio do julgamento (agendado para 16 de Novembro) do caso conhecido por “15+2” relacionado com os 17 activistas acusados de actos preparatórios de tentativa de golpe de Estado e de atentado contra o Presidente José Eduardo dos Santos, o advogado David Mendes, da Associação Mão Livres considera que “contrariamente ao que se diz que a justiça é independente em Angola…a justiça depende do sistema político e não pode ser imparcial…os juízes ainda agem em função da pressão do sistema político…é preciso mudar o sistema político, para que os tribuniais sejam de facto independentes“. (rfi.fr)

por Isabel Pinto Machado

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA