Huíla: Chuva e fortes ventos semeiam caos em Chicomba

Escola com cobertura destruída (Foto: Fernando Jamba)
Escola com cobertura destruída (Foto: Fernando Jamba)
Escola com cobertura destruída (Foto: Fernando Jamba)

Pelo menos 35 residências ficaram parcialmente destruídas neste fim-de-semana, em consequência de fortes chuvas acompanhadas de ventos, no município da Chicomba, província da Huíla, que afectaram também escolas, igrejas e alguns estabelecimentos comerciais.

Em declarações à Angop, o administrador municipal-adjunto de Chicomba, António Guerra, disse que as chuvas destruíram duas escolas do ensino primário e outra do primeiro ciclo do ensino secundário, na sede municipal.

Acrescentou que também ficou totalmente destruído o novo mercado que deveria ser inaugurado em Dezembro, assim como as estruturas da administração municipal.

“Felizmente não tivemos danos humanos, apenas uma criança foi ferida por uma chapa de zinco, sem gravidade.”, sublinhou.

Sublinhou que algumas das famílias sinistradas encontram-se abrigadas em casas de parentes e vizinhos, aguardando o apoio da administração municipal de Chicomba.

“Já remetemos o relatório ao governo provincial e serviço provincial de protecção civil e bombeiros, para ajudar as famílias sinistradas”, explicou.

O município de Chicomba possui 127 mil 273 habitantes, que se dedicam a agricultura e a pastorícia. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA