Governo do Estado assina protocolo inédito com o UNICEF

(saopauloglobal.sp.gov.br)
(saopauloglobal.sp.gov.br)
(saopauloglobal.sp.gov.br)

Iniciativa prevê ações para as áreas de saúde materno-infantil, educação e proteção social

O governador Geraldo Alckmin assina protocolo de intenções com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) no próximo dia 1º de dezembro, às 16h, no Palácio dos Bandeirantes.

A iniciativa entre o governo e o UNICEF prevê o desenvolvimento de ações de cooperação nas áreas de saúde materno-infantil, educação e proteção social. O representante do UNICEF no Brasil, Gary Stahl, assinará o documento com o governador.

O protocolo, projeto inédito do governo paulista, foi desenvolvido pela Assessoria Especial para Assuntos Internacionais (AEAI) do governo de São Paulo e a unidade de Cooperação Sul-Sul do UNICEF. A estratégia de cooperação entre os países do Hemisfério Sul tem como objetivo fomentar a garantia integral dos direitos de crianças e adolescentes em outros países por meio da troca de conhecimentos e experiências.

“Essa parceria com o UNICEF garante que muitos projetos importantes possam ser aproveitados por todos os estados da União e, assim, colaborarmos de forma eficiente nas questões da infância e adolescência de todo o país”, afirma Ana Carolina Conde, chefe da AEAI.

Além de Alckmin e Stahl, participam ainda da assinatura do protocolo os secretários estaduais Edson Aparecido (Casa Civil), Floriano Pesaro (Desenvolvimento Social), David Uip (Saúde) e Herman Voorwald (Educação). Pelo UNICEF, também participarão a gerente do Programa de Cooperação Sul-Sul, Michelle Barron, e o Coordenador do Escritório do UNICEF em São Paulo, Silvio Kaloustian.

Estado de São Paulo e UNICEF

Em 2014, o UNICEF, organizou a vinda das delegações da Armênia e do México para conhecerem os programas paulistas.

O UNICEF propôs também uma parceria para que as experiências exitosas do estado sejam difundidas em outras áreas do Brasil e para outros países. (saopauloglobal.sp.gov.br)

Assessoria do Governo do Estado

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA