Governador dá por terminada primeira intervenção na rede viária de Luanda

Graciano Domingos - Governador da Provincia de Luanda (Foto: António Escrivão)
Graciano Domingos - Governador da Provincia de Luanda (Foto: António Escrivão)
Graciano Domingos – Governador da Provincia de Luanda (Foto: António Escrivão)

O governador provincial de Luanda, Graciano Domingos, deu por concluída hoje, sexta-feira, a primeira intervenção da rede viária do casco urbano, iniciada a 12 de Maio.

Graciano Domingos circulou por várias artérias, a fim de aferir o nível de qualidade das obras em execução na cidade de Luanda.

Acompanhado por responsáveis da empresa Mota Engil, encarregada das obras, o governador vistoriou a intersecção da rua Liga Nacional Africana com a rua José Anchieta, zona do cemitério Alto das Cruzes e o Largo da Maianga.

Informou que até ao momento já foram intervencionadas 42 vias, muitas delas faltam apenas os sinais horizontais e verticais.

Disse que a qualidade das obras é boa mas reconheceu que em alguns locais haverá necessidade de correcção porque a chuva revelou que os trabalhos não terão corrido muito bem.

De acordo com o fiscalizador das obras, Tiago Gonçalves, da LCW, os trabalhos consistiram no embelezamento e reparação das vias de Luanda, num total de 48 quilómetros, colocação de novo asfalto, valetas, lancis, passeios e limpeza de sarjetas.

O responsável aconselhou as unidades técnicas das administrações distritais ou municipais para manutenção das valetas e sarjetas para se prolongar o período de vida útil das vias orçadas em 70 milhões de dólares.

Em relação à chuva de hoje, o governador disse ter recebido informações de que até ao meio dia havia 51 residências inundadas e alguns mortos, mas apenas sábado serão divulgados dados mais consentâneos.

Sobre o lixo, o governador disse que a província já esteve pior, neste momento a situação tende a melhorar, porque a capacidade de recolha está a se aperfeiçoar, uma vez que existe um programa especial a funcionar de Novembro até Janeiro de 2016.

Anunciou que a partir de Fevereiro de 2016 a recolha de lixo será reforçada e melhorado o saneamento do meio.

Graciano Domingos agradeceu toda população de Luanda que se juntou às campanhas de limpeza urbana e espera que este posicionamento continue porque a colaboração de todos é indispensável para o bem-estar comum.

Relativamente à zona periférica da província, disse haver um programa de intervenção que permitiam alguma circulação, enquanto se aguarda pelas grandes intervenções.

Sobre os constantes cortes de energia eléctrica, o responsável da província disse ter recebido garantias da ENDE que em breve será melhorado fornecimento deste bem.

Informou que as interrupções estão a acontecer pelo facto de se estar a proceder melhorias da rede de transporte de energia para a província de Luanda. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA