Fronteiras portuguesas em alerta, atenções redobradas para o dérbi

(Reuters)
(Reuters)
(Reuters)

Apesar de existir a convicção de que um ataque realizado em Portugal será uma hipótese remota, a possibilidade não deixa de existir. É por isso que as forças de segurança redobraram as atenções para o jogo Sporting-Benfica, no próximo sábado.

Após os atentados em Paris, França, Portugal colocou as fronteiras em elevado nível de segurança.

O diretor nacional do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), Beça Pereira, disse ao Diário Económico que as medidas implementadas passam por um controlo mais apertado dos passageiros que vêm de países fora da Europa ou que se deslocam para esses destinos. Os passaportes também vão ser analisados com maior atenção.

A morte de, pelo menos, 132 pessoas em Paris após os seis ataques realizados na passada sexta-feira pelo Estado Islâmico, não é sinónimo de que Portugal possa vir a ser um alvo, mas existem alguns meios das forças de segurança que estão convictos de que “há uma probabilidade de que possam ocorrer”.

Neste momento, as atenções estão concentradas para o dérbi Sporting-Benfica, a realizar-se no próximo sábado.

“Já prestámos e recebemos informações dos vários serviços e forças de segurança a nível nacional e internacional”, explica Beça Pereira.

Os inspetores do SEF estão agora a “trabalhar dentro do quadro da legalidade, respeitando as regras do Espaço de Schengen e adotando as medidas que em face do que é conhecido neste preciso momento são as adequadas e proporcionais aos factos conhecidos”.

Nos aeroportos está a ser dada especial atenção às bagagens de porão e há também “cuidados redobrados no exame da documentação”.

O reforço de segurança está a acontecer por toda a Europa, uma vez que o Estado Islâmico divulgou um vídeo com ameaças de novos ataques. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA