Estudante angolano morto a tiro no Brasil

Jocéu Wando Capilo (VOA)
Jocéu Wando Capilo (VOA)
Jocéu Wando Capilo (VOA)

O estudante angolano Jocéu Wando Capilo, de 26 anos de idade, foi assassinado a tiros em Santa Rita do Sapucaí, no Estado de Minas Gerais, no Brasil, na sexta-feira passada, quando tentava impedir uma briga entre três homens.

O caso aconteceu por volta das 23h30, na frente do Instituto Nacional de Telecomunicações, instituição de ensino superior na qual Capilo estudava.

Responsáveis pelo Batalhão de Polícia local afirmaram à Voz da América que as autoridades já estão à procura de três suspeitos. Ninguém foi preso até agora.

A morte do estudante gerou repercussão na imprensa local e chocou a cidade de 41 mil habitantes.

Segundo testemunhas informaram à polícia, as três pessoas envolvidas na briga fugiram logo após os disparos.

Estudantes do Instituto Nacional de Telecomunicações viram o assassinato de Capilo e estão colaborando com as investigações.

A polícia foi acionada na sexta-feira logo após os disparos. Capilo foi atendido pelas equipes do Serviço de Atendimento Movél de Urgência (SAMU) com vida e depois encaminhado ao hospital mais próximo. Horas depois, ele não resistiu e faleceu.

O corpo de estudante foi trasladado para São Paulo e uma equipe do consulado de angola em São Paulo está em contato com a família para levar o corpo de Capilo a seu país natal. (voa.com)

por Bárbara Ferreira Santos

DEIXE UMA RESPOSTA