Escola virtual de SP recebe prêmio e concorre à disputa na China

(saopauloglobal.sp.gov.br)
(saopauloglobal.sp.gov.br)
(saopauloglobal.sp.gov.br)

Plataforma da Secretaria da Educação é pioneira na oferta de cursos digitais; em cinco anos foram abertas mais de 1,6 mi

A Escola Virtual de Programas Educacionais do Estado de São Paulo (Evesp) foi premiada no World Summit Award. Lançada pela Secretaria da Educação em 2011, a plataforma levou o 1º lugar na categoria ‘Learning & Science’ (Aprendizado e Ciência). Mais de 170 países participaram da disputa apoiada pelas Organizações das Nações Unidas. A próxima etapa está marcada para fevereiro, na China, quando será conhecido o melhor projeto de conteúdo digital do mundo.
Em cinco anos, a Evesp ofereceu mais de 1,6 milhão de vagas. Os cursos são gratuitos e abertos a alunos e ex-alunos da rede estadual de ensino 24 horas por dia. Hoje estão no ar 14 opções, incluindo aulas de inglês, espanhol, Libras, socorros e preparatório para o vestibular. A plataforma também criou versões acessíveis para estudantes com deficiência visual ou auditiva.
Além do fácil acesso (em casa ou na própria escola), os cursos trazem uma linguagem de games, mais próxima do jovem, e dialogam com o currículo adotado na rede. Ao fim de cada programa, os estudantes recebem certificado de conclusão e o registro no histórico escolar. Em 2015, a modalidade mais procurada é o Cursinho Pré-universitário.
“A Escola Virtual amplia a oferta de atividades extracurriculares e contribui na formação dos alunos. Em agosto, de maneira inédita, a Evesp ‘exportou’ ao governo do Espírito Santo o curso A Aventura. Direcionado a estudantes 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental, o foco é a preservação do meio ambiente e redução de acidentes e foi elaborado em parceria com a Defesa Civil”, explica a coordenadora da Evesp, Ana Carolina Lafemina. (saopauloglobal.sp.gov.br)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA