Cunene: Mais de 12 mil gestantes aderem às consultas pré-natais

Mulheres aderem à consultas pré-natais (Foto: Angop/Arquivo)
 Mulheres aderem à consultas pré-natais (Foto: Angop/Arquivo)

Mulheres aderem à consultas pré-natal (Foto: Angop/Arquivo)

Doze mil e 613 mulheres gestantes aderiram às consultas pré-natal, de Janeiro a Outubro do corrente ano, no Hospital Geral de Ondjiva, província do Cunene, representando um acréscimo de 837 em relação a igual período do ano anterior.

De acordo com a chefe dos serviços de obstetrícias da unidade em referência, Angélica da Silva, deste número consta 4.339 gestantes que realizaram as suas consultas pela primeira vez e as restantes são de rotinas.

Angélica da Silva considerou satisfatório o número de mulheres às consultas pré natal, realçando que o aumento resulta das acções de mobilização levada a cabo pelo sector da Saúde e parceiros, junto das comunidades.

“ Esta consulta é importante, porque garante a saúde da mãe e do bebe, prevenindo-os de infecções e outras patologias durante e pós-parto, actualmente as mulheres já se preocupam com as consultas”, reconheceu a fonte.

Explicou que além da informação sobre a evolução da gravidez, as mulheres a efectuem  testes voluntários de VIH/Sida e Malária para conhecerem o seu estado de saúde. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA