Bié: Governador defende incentivo à auto-construção dirigida

Álvaro Manuel Boavida Neto - governador do Bié (Foto: Leonardo Castro)
Álvaro Manuel Boavida Neto - governador do Bié (Foto: Leonardo Castro)
Álvaro Manuel Boavida Neto – governador do Bié (Foto: Leonardo Castro)

A construção de novas residências precisa de ser complementada com a criação de mecanismos que facilitem a auto-construção dirigida para que se possa reduzir a carência habitacional na circunscrição, defendeu hoje (sexta-feira) o governador da província do Bié, Álvaro Manuel Boavida Neto.

Em declarações à Angop, no âmbito dos 40 anos de independência nacional, disse que a medida visa influencia o rápido crescimento dos municípios e vilas, partindo da auto-construção dirigida por parte da população, uma vez que o governo local através das administrações municipais faz o loteamento e distribuição de terrenos aos cidadãos.

Boavida Neto, enalteceu por outro lado, os moradores dos bairros Azul, Militar, São José e Lissimo, arredores da cidade do Cuito, pela edificação crescente de residências, que no seu entender, estão a dar outra imagem a cidade capital.

Fez saber que a acção demonstra a vontade patriótica dos cidadãos que individualmente estão a construir as suas casas e estabelecimentos comerciais, que além de melhorar a qualidade de vida das suas famílias está a gerar novos empregos para os jovens.

Na ocasião, garantiu que o governo da província vai continuar a implementar o programa de infra-estruturas socais, nomeadamente escolas, centros de saúde, quadras desportivas e postos policiais, com vista ao bem-estar dos munícipes. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA