Avião russo abatido: Putin acusa Ancara de traição (vídeo)

(Euronews)
(Euronews)
(Euronews)

Moscovo e Ancara reagem, depois do incidente com o bombardeiro russo abatido esta terça-feira por caças turcos.

Durante uma conferência de imprensa em Sochi, após um encontro com o rei Abdullah II da Jordânia, o presidente Vladimir Putin acusou a Turquia de traição:

“A perda de hoje é uma facada nas costas cúmplice dos terroristas. (…) Vamos analisar cuidadosamente o que aconteceu. O trágico incidente de hoje terá sérias implicações nas relações russo-turcas.”

Em Ancara, o chefe do governo turco, Ahmet Davutoglu, lembrou que a Turquia tem o direito de defender o seu espaço aéreo.

“Nunca fomos um país que tenha agido contra outro país. Mas todos devem saber que a Turquia tem o direito de responder se o seu espaço aéreo for violado apesar de repetidas advertências”, disse o primeiro-ministro da Turquia.” (euronews.com)

por Nelson Pereira

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA