Apps para iOS são mais vulneráveis do que as do Android, afirma estudo

(Mobile Xpert)
(Mobile Xpert)
(Mobile Xpert)

Grande parte das vezes que ouvimos falar de vulnerabilidades em plataformas móveis, imediatamente nos vem à cabeça o Android, pela forma como ele é construído, com código aberto, mais possibilidades, etc., porém isso não significa necessariamente que seus aplicativos sejam menos seguros do que os da sua principal concorrente, a Apple com o iOS — e uma pesquisa realizada pela firma de segurança Checkmarx em parceria com a AppSec Labs divulgou um estudo que afirma que a grande maioria das vulnerabilidades é encontrada em aplicativos feitos para o iOS, além do mais, elas tendem a ser bem mais severas do que as encontradas no Android.

Muitos pensam que pelo fato da Apple ter um controle mais rígido sob a aprovação dos aplicativos enviados para a App Store, o sistema dificilmente apresentará vulnerabilidades em seus apps, mas a pesquisa concluiu que 40% das falhas de segurança encontradas nos aplicativos do iOS eram altamente críticas, comparado a 36% das encontradas nos apps da plataforma móvel da Google.

Além das informações acima, também foi descoberto que em média, um app móvel tem cerca de 9 vulnerabilidades (com os do iOS geralmente tendo mais do que os do Android), sendo uma das mais comuns o vazamento de informações pessoais, com 27% de aparição nas falhas encontradas, seguido de 23% relacionados com problemas problemas de autorização e autenticação. Diversas outras falhas envolvem a fragilidade da criptografia utilizada, informações armazenadas em logs, dentre outros. (Mobile Xpert)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA