Taxistas podem ser condenados a um mês de prisão e 50 mil kwanzas de multa

Taxistas no Tribunal Provincial de Viana, Angola (VOA)
Taxistas no Tribunal Provincial de Viana, Angola (VOA)
Taxistas no Tribunal Provincial de Viana, Angola (VOA)

Os 143 taxistas detidos na passada segunda-feira em Luanda por se manifestarem contra a falta de paragens para cargas e descargas e a recusa das autoridades em actualizar os preços das tarifas, depois do aumento dos preços dos combustíveis, incorrem a uma pena de um mês de prisão efectiva e a uma multa de 50 mil kwanzas.

A informação foi avançada à VOA por uma  fonte do Tribunal Municipal de Viana que pediu o anonimato.

Aquele tribunal começou a julgar hoje 38 taxistas.

Entretanto, o presidente da Associação dos Taxistas de Luanda, Manuel Faustino,  anunciou negociações entre a sua organização e as autoridades que devem estar concluídas antes do fim-de-semana. (voa.com)

por Coque Mukuta

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA