Presidente francês critica violência contra diretores da Air France

(AFP)
(AFP)
(AFP)

O presidente francês, François Hollande, criticou nesta terça-feira os actos de violência contra directores da Air France, e afirmou que os mesmos podem prejudicar a imagem do país.

“O diálogo social conta. E quando é interrompido pela violência, por protestos que adquirem formas inaceitáveis, vemos as consequências que pode ter para a imagem, o atractivo, do país”, disse o presidente em Havre (noroeste da França).

Na segunda-feira, o anúncio da Air France de uma nova reestruturação que ameaça suprimir 2.900 postos de trabalho provocou a revolta dos funcionários, que invadiram uma reunião e agrediram directores da empresa.

O primeiro-ministro Manuel Valls visitará nesta terça-feira a sede da empresa para uma reunião com executivos da Air France, empresa na qual o Estado francês possui 17,6% do capital. (afp.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA