Onze monumentos e sítios classificados na Huíla

Monumeto do Cristo Rei (Foto: Angop)
Monumeto do Cristo Rei (Foto: Angop)
Monumento do Cristo Rei (Foto: Angop)

Onze monumentos e sítios históricos e naturais classificados, alguns dos quais em mau estado de conservação, são controlados pela Direcção Provincial da Cultura da Huíla.

A informação foi prestada hoje, segunda-feira, à Angop, no Lubango, pelo chefe do departamento provincial do património histórico e cultural da direcção da cultura, Avelino Elias, que sublinhou que a instituição tem igualmente inventariados 180 monumentos e sítios e históricos, bem como 121 Ombalas (aldeias de sobas) que precisam de ser classificados.

Segundo a fonte, a cidade do Lubango conta com oito monumentos e sítios classificados, Caconda dois e o município da Humpata com um, sendo que a actividade do levantamento, estudo, protecção e valorização do património cultural prossegue, por serem tarefas básicas e de rotina no quadro do programa estratégico levado a cabo pelo sector.

Fazem parte dos referidos monumentos e sítios, a Arquitectura Civil, Militar, Religiosa/Funerária, Sítio Histórico, Arqueológico, Zona Histórica e paisagística e Natural este último tem atraído turistas nacionais e estrangeiros.

“Vamos continuar a proceder a persuadir a sociedade para garantir a defesa dos bens patrimoniais, dada a sua localização e em medidas de conservação e protecção”, disse. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA