O “grande” plano do Twitter já começou

(tecnologia.com.pt)
(tecnologia.com.pt)
(tecnologia.com.pt)

Jack Dorsey foi destaque da semana passada quando foi “patenteado” como CEO permanente do Twitter na segunda-feira, e a grande razão desta decisão, é que a empresa está a precisar de um chefe sem “papas na língua” para remodelar a equipa de trabalho e melhorar o ranking da rede social.

Jack Dorsey quer demitir funcionários e adicionar novos serviços no Twitter

Numa entrevista na conferência da Re/code, Jack Dorsey foi questionado sobre o motivo do plano de demissão de funcionários na empresa, tendo ele respondido que a decisão seria apenas abrangente à equipa de engenheiros, que na conceção dele, é um grupo de elementos demasiado grande (quase metade da equipa total do Twitter) para aquilo que é o necessário ao Twitter.

Atualmente, o Twitter conta com cerca de 4.100 trabalhadores, o dobro de 2013, e que neste intervalo o crescimento do leque de usuários aumentou menos de 50%, meta consideravelmente muito baixa (segundo Twitter).

Outra parte do plano para a recuperação da empresa e da rede social, Jack Dorsey pretende adicionar novos serviços (que já até deu inicio com “Moments”) e tornar o Twitter mais acessível, fácil, e universal.

A demissão de funcionários está prevista para esta semana. (tecnologia.com.pt)

por Sérgio Monteiro

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA