Já tomou posse o novo governo da Guiné-Bissau

Já tomou posse o novo governo da Guiné-Bissau (RFI/Carine Frenk)
Já tomou posse o novo governo da Guiné-Bissau (RFI/Carine Frenk)
Já tomou posse o novo governo da Guiné-Bissau
(RFI/Carine Frenk)

O chefe de Estado José Mário Vaz deu hoje posse ao novo governo liderado por Carlos Correia. Uma cerimónia solene que durou apenas trinta minuto e na qual o Presidente lembrou a necessidade de ser feita uma reflexão profunda sobre o sistema político na Guiné-Bissau.

No total são 30 dos 32 membros que compõem o novo governo, uma vez que o ministro dos Recursos Naturais e da pasta da Administração Interna, não tomaram posse nesta terça-feira, por não terem sido nomeados ainda. Os nomes propostos pelo primeiro-ministro, Carlos Correia, para as duas pastas não mereceram o aval do Presidente José Mário Vaz.

No discurso de tomada de posse do executivo, o chefe de Estado guineense salientou a necessidade de ser feita uma reflexão profunda sobre o sistema político do país, numa clara alusão a diferença na interpretação dos poderes constitucionais entre o chefe do governo e o Presidente da República.

O primeiro-ministro Carlos Correia, por sua vez, prometeu um executivo de continuidade do trabalho que vinha sendo feito pela equipa liderada por Domingos Simões Pereira, dando prioridade a Educação, à Saúde, mas sem descurar a Agricultura, uma temática cara ao chefe de Estado. Embaixadores e representantes da comunidade internacional marcaram presença na tomada de posse do governo, bem como o chefe das Forcas Armadas, o general Biague Nan Tan. (voa.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA