Israel: Tiroteio numa estação de autocarros faz mais três mortos (vídeo)

(Euronews)
(Euronews)
(Euronews)

O conflito israelo-palestiniano reclamou mais três vidas este domingo. Um palestiniano matou um soldado israelita na estação de autocarros da cidade de Beersheba. Em seguida pegou na metralhadora e fez uma dezena de feridos, entre os quais polícias. Os agentes mataram o atacante e um refugiado da Eritreia que confundiram com um palestiniano.

“Tenho de viver num mundo onde tenho medo de sair de casa, para ir à escola ou para o trabalho” – pergunta uma testemunha que acaba por reclamar uma maior presença policial e mais ação.

A escalada da violência que começou no início do mês custou a vida a oito israelitas e a quatro dezenas de palestinianos.

O medo levou o governo israelita a instalar mais um muro em Jerusalém Oriental, embora afirme tratar-se de uma instalação provisória. Um dos habitantes do bairro palestiniano evoca um muro do apartheid e explica que o muro do apartheid que existe na Cisjordânia chegou a Jerusalém para separar os habitantes da cidade.

O executivo de Netanyahu também concedeu este domingo mais poderes à polícia para poder revistar quem quiser, a qualquer momento. E em algumas escolas israelitas os trabalhadores árabes foram temporariamente suspensos ou impedidos de trabalhar durante o período de aulas para evitar as crianças. (euronews.com)

por João Peseiro Monteiro | com AFP. REUTERS

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA