Importante líder islamita morre em ataque aéreo na Síria

(Foto de George Ourfalian/AFP/Arquivos)
(Foto de George Ourfalian/AFP/Arquivos)
(Foto de George Ourfalian/AFP/Arquivos)

O combatente saudita Sanafi al-Nasr foi morto em um ataque aéreo no norte da Síria – informou o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH) nesta sexta-feira.

Segundo Washington, ele seria membro da Frente Al-Nosra, movimento afiliado à rede Al-Qaeda.

O OSDH declarou que Al-Nasr morreu na província de Aleppo, junto com outros dois chefes da Al-Nosra.

Segundo a ONG, os três estavam em uma viatura que foi atingida por um projéctil disparado por um avião. Ainda não está claro se a aeronave era da coligação liderada pelos Estados Unidos, ou das forças russas presentes na Síria.

Sanafi al-Nasr é um dos possíveis pseudónimos usados por Abdul Mohsen Abdulah Ibrahim al Sharikh, que se instalou na Síria para actuar na Frente Al-Nosra e na Al-Qaeda. Em 2014, foi classificado como “terrorista mundial” pelo Departamento do Tesouro americano.

O OSDH identifica os outros dois mortos como Abu Yasser al-Magrebi e Abu Mohamed al-Jazraui.

A Frente Al-Nosra de Aleppo tuitou a foto de um carro destruído e afirmou que o veículo foi atingido por um tiro “da coligação dos cruzados e árabes” em Al-Dana, a oeste de Aleppo. A Frente não deu detalhes sobre o número, nem sobre a identidade das vítimas.

Al-Nasr já foi considerado morto por um erro no passado.

Os bombardeamentos dos Estados Unidos e dos seus aliados na Síria têm como principal alvo as forças do Estado Islâmico, rival da Al-Nosra.

A aviação americana já bombardeou ocasionalmente membros do grupo Jorasan, acusado de ter nas suas fileiras membros da Al-Qaeda encarregados de preparar atentados no Ocidente. (afp.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA