Huíla: Estudantes doam sangue na maternidade do Lubango

Huíla: Estudantes doam sangue (Foto: Morais Silva)
Huíla: Estudantes doam sangue (Foto: Morais Silva)
Huíla: Estudantes doam sangue (Foto: Morais Silva)

Vinte e três estudantes do Instituto Superior Politécnico Vida (ISP/VIDA) na Huíla doaram hoje, domingo, sangue ao centro de hemoterapia da Maternidade Central do Lubango “Irene Neto”, numa acção enquadrada no dia mundial do coração, assinalado a 29 de Setembro.

Em declarações à Angop após o acto, o presidente da Associação dos Estudantes do instituto, Belchior Joaquim, referiuser objectivo dos doadores ajudar o centro de hemoterapia da maternidade do Lubango, uma vez que a unidade tem tido falta de sangue.

Belchior Joaquim referiu que a unidade sanitária regista muitas patologias que requerem transfusões de sangue, mas por vezes há rotura nos seus “stocks”, por isso a instituição mobilizou-se para fazer mais um acto de caridade, partindo sempre do princípio de que doar sangue é salvar vidas.

O dirigente associativo acrescentou que a par desta actividade a instituição realizou uma marcha solidária em prol do dia mundial do coração, onde mais de 400 estudantes participaram da actividade que percorreu as principais artérias da cidade do Lubango.

No final da marcha, os estudantes apelaram aos jovens no sentido de terem sempre o cuidado com o coração, uma vez ser órgão vital do corpo humano, evitando assim consumo desregrado de bebidas alcoólicas, drogas e outras substâncias que prejudicam a saúde.

O Instituto Superior Politécnico Vida foi criado em 2011 e conta 878 alunos enquadrados nos cursos de Psicologia, Enfermagem geral, Analise Clínicas, Farmácia, Contabilidade e Gestão e Psicologia. (portalangop.co.ao)

DEIXE UMA RESPOSTA