Huíla: Escola do II ciclo de Quipungo aborda em jornadas técnicas de resolução de conflitos

Estudantes em jornadas científicas (Foto: Morais Silva/arquivo)
Estudantes em jornadas científicas (Foto: Morais Silva/arquivo)
Estudantes em jornadas científicas (Foto: Morais Silva/arquivo)

As técnicas de resolução de conflito, conceitos de potências no desenvolvimento da sociedade, educação sexual são alguns dos temas em abordagem nas primeiras jornadas técnico-científicas da Escola II do ciclo de Quipungo, província da Huíla, que arrancam nesta quarta-feira.

Durante quatro dias, professores e estudantes vão ainda abordar a questão dos jogos didáticos como alternativa metodológica no processo de ensino-aprendizagem na Química, a família e o consumidor como parte integral económico e social são, entre outros, temas a serem abordados no encontro.

O encontro servirá também para abordargem da avaliação como elemento socializador e integrador do processo de ensino e aprendizagem.

O tabagismo, o impacto ambiental da acção antropológica das águas subterrâneas para a sociedade, despertar da consciência africana na afirmação da africanidade, o casamento, a preservação da camada do Ozono, são outros temas em análise.

As jornadas científicas da escola do II ciclo de Quipungo visa informar os docentes e discentes sobre a problemática da formação académica nos tempos de hoje.

O município de Quipungo dista a 117 quilómetros a leste da cidade do Lubango, província da Huíla, e tem ma população estimada em 146 mil e 914 habitantes. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA