Huambo: Ministro constata condições sociais dos antigos combatentes

Ministro dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria - Cândido Pereira Van-dúnem (Foto: Pedro Parente)
Ministro dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria - Cândido Pereira Van-dúnem (Foto: Pedro Parente)
Ministro dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria – Cândido Pereira Van-dúnem (Foto: Pedro Parente)

O ministro dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria, Cândido Pereira Van-Dúnen, efectua hoje, quinta-feira, uma visita de trabalho a província do Huambo, com o objectivo de constatar o estado da assistência social prestada ao grupo alvo.

Em declarações à Angop quarta-feira, o director local dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria, José Manuel dos Santos, referiu que o ministro irá ao Huambo também para se informar do recenseamento dos assistidos, formação profissional e reintegração socioeconómica dos antigos combatentes e veteranos da pátria, bem como dos programa sociais em curso.

Informou que o ministro vai, num encontro com os associados, prestar esclarecimentos sobre a revisão da Lei 13/2002 de 15 de Outubro, do Antigo Combatente e Veterano de Guerra.

De acordo com o responsável, Cândido Van-Dúnem, vai igualmente proceder a entrega de Kits profissionais, bem como orientar uma actividade de plantação de árvores.

José Manuel dos Santos fez saber que a falta de infra-estruturas condignas é a maior preocupação do sector na província.

“Estamos confiantes de que a visita do ministro dará outro ânimo e esperança no sentido de continuarmos a prestar homenagem e reconhecimento àquela franja da sociedade, pelo seu contributo para o engrandecimento do país”, frisou.

A nível da província são assistidos cinco mil pessoas, entre antigos combatentes e veteranos da pátria, viúvas e órfãos de guerra. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA