Governo exige compensação à Volkswagen pelo escândalo das emissões

(DR)
(DR)
(DR)

O grupo automóvel alemão já garantiu que irá apresentar um plano de correção do problema até 7 de outubro.

O escândalo das emissões de gases poluentes adulteradas pelos softwares da Volkswagen nas suas viaturas foi um escândalo de dimensão mundial que fez correr muita tinta nas últimas duas semanas. Milhões de carros regressaram às oficinas e os prejuízos da marca já superam valores superiores aos do resgate financeiro a Portugal.

Segundo o Público, o Executivo já fez saber a sua posição quanto ao escândalo das emissões e coloca a possibilidade de haverem incumprimentos e até fraude fiscal. Nesse sentido, o Governo deixa claro que pretende ser compensado pelos números falsificados.

A garantia vem de Pires de Lima, ministro das Finanças, que diz ser “evidente que há responsabilidades ambientais (…) de que o Estado português, naturalmente, se quer ver ressarcido”. Quanto à hipotética fraude, “poderá estar eventualmente em causa o pagamento de IVA por parte da concessionária e o imposto único de circulação”, refere o ministro.

A mesma fonte deixou ainda claro que os proprietários dos carros ‘fraudulentos’ nãoterão de suportar quaisquer custos. (noticiasaominuto.com)

DEIXE UMA RESPOSTA