Governo de Luanda “ensaia” nova estratégia de combate ao lixo

Domingos Graciano - Governador da Província de Luanda (Foto: Pedro Parente)
Domingos Graciano - Governador da Província de Luanda (Foto: Pedro Parente)
Domingos Graciano – Governador da Província de Luanda (Foto: Pedro Parente)

Os habitantes da província de Luanda poderão confrontar-se, nos próximos dias, com uma nova estratégia de combate ao lixo, que passa pela definição de horários para a deposição e dias específicos de recolha de resíduos sólidos.

A pretensão foi avançada nesta quinta-feira, em Luanda, pelo governador provincial, Graciano Domingos, para quem é fundamental aprimorar os mecanismos de recolha de resíduos.

“Precisamos aprimorar os mecanismos de recolha e o nível de responsabilização dos cidadãos e das empresas que recolhem o lixo”, expressou o gestor à imprensa, à margem da sessão solene de abertura do novo Ano Parlamentar.

Segundo o governador, é necessário que as famílias e as autoridades locais trabalhem para incorporar, nas suas vidas, os hábitos de higiene e asseio.

“Um dos problemas que notamos neste momento é que a população deposita o lixo a toda hora. Temos que definir horários para a deposição do lixo, que deve ser bem acondicionado”, expressou.

Para si, a recolha de resíduos “não pode ser todos os dias”, daí considerar fundamental o reforço da educação da população para a limpeza e o asseio.

Graciano Domingos disse que a situação do lixo em Luanda tende a melhorar gradualmente e, neste momento, a responsabilidade da limpeza da cidade

já está a cargo das administrações municipais.

“É um trabalho de toda a colectividade. A administração tem de dialogar mais com o cidadão e as famílias têm de educar cada vez mais os seus membros”, acrescentou o governador.

Considerou, por outro lado, necessário organizar economicamente as famílias, mostrando que o Estado cria as grandes infra-estruturas que promovem o desenvolvimento.

Entretanto, prosseguiu, cada cidadão deve identificar na sociedade necessidades e, com o trabalho, procurar satisfazer as mesmas e ganhar dinheiro. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA