Exército sírio lança nova ofensiva em Alepo

(Euronews)
(Euronews)
(Euronews)

O exército sírio lançou uma nova ofensiva contra os rebeldes em Alepo, apoiado pelo Hezbollah, pelas tropas iranianas e por ataques aéreos russos. Segundo o Observatório Sírio para os Direitos Humanos as tropas leais ao presidente sírio controlam as aldeias de Abtine e Kaddar, próximo de Alepo, cidade dividida desde 2012.

A Rússia, aliada incondicional de Bashar al-Assad, afirma ter feito, desde 30 de setembro, altura em que iniciou a intervenção, quase 400 ataques a alvos dos “terroristas”. Esta sexta-feira, o ministro da Defesa russo, afirmou que o país concordou com as questões técnicas para selar um acordo com os Estados Unidos sobre segurança de voos sobre a Síria e que, um memorando final, será assinado brevemente.

Por seu lado, aumento dos ataques aéreos no país complica a entrega, já por si difícil, de ajuda humanitária a milhões de pessoas que passam necessidades. A informação foi avançada à agência France Press, pelo Chefe de Operações humanitárias da ONU.

Em mais de quatro anos esta guerra matou mais de 250 mil pessoas. Pelo menos quatro milhões de sírios fugiram do país. Há mais de 12 milhões de deslocados internos a precisar de apoio humanitário urgente. (euronews.com)

por Nara Madeira | com REUTERS/AFP

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA